Será que chegou a hora de terminar o seu namoro?

Terminar o que começamos é bem mais difícil do que começar. Começar é fácil. Tem o encanto, a novidade, a promessa de que dessa vez vai ser diferente.

Quando você conhece alguém novo, tudo o que você ouve parece melhor do que tudo que já te falaram, os programas parecem melhores do que os mesmos que você já fazia, o mundo fica colorido e a mágica acontece.

Com o tempo, você perde o ânimo. Culpa o trânsito. Enjoa.

Mas aí vem aquela pressão social de que é preciso ter um relacionamento, oops, e você continua.

Até chegar no limite em que você não pode mais.

ex

Não é fácil concluir que não se tem coordenação suficiente pra aprender violino ou dançar ballet, ou que lutar boxe talvez seja realmente pancada demais para alguém como você.

Terminar um relacionamento é meio parecido. Os sinais de que o seu relacionamento, namoro, casamento acabou são simples. Você empurra com a barriga, coleciona desculpas, até ver que você e a pessoa não tem mais sentido juntos. Aquela peça não se encaixa mais na sua vida, e sobram as caixas, as fotos, as lembranças, os discursos, a preguiça de dialogar e explicar qualquer coisa que pareça menos frio do que no fundo você vai ter que ser.

comoterminarumnamoro

As clássicas perguntas que vem à cabeça: “Como terminar o namoro?”, “Como falar o que sinto sem deixar a outra pessoa triste?”, ou “O que falar para terminar um namoro?” Não tem resposta certa. Falar a verdade é sempre digno para as duas partes. Quando a gente é verdadeiro, a outra pessoa sente. É mais nobre ser sincero e ajudar o outro a atravessar a ponte e continuar a vida sem você.

Terminar o que começamos é bem mais difícil do que começar. Mas precisa ser feito.
E o quanto antes. Respeitar o outro é também respeitar o tempo do outro. Lembre-se que cada segundo de vida é precioso, e você não tem direito de roubar o tempo de ninguém.

escrito por
erica
Erica Hans tem 30 anos e quer que todo mundo seja feliz. Além disso, é sócia/diretora da Social Media St..
Veja Mais Posts sobre
07/11/2014

comentários
diga alguma coisa